Enorme rádio telescópio de Arecibo sofre mais danos com incidente de cabo

 

Telescópio


O enorme Observatório de Arecibo, um dos maiores radiotelescópios de antena única do mundo, sofreu danos consideráveis ​​devido a um incidente com cabo, relatam as autoridades.  Esta não é a primeira vez que o radiotelescópio foi danificado - ele foi reparado várias vezes no passado - mas este último incidente é bastante substancial, deixando um ferimento de 30 metros que deixou o telescópio offline.


 O dano foi relatado pela University of Central Florida, que relata que um cabo auxiliar de suporte da estrutura de metal do telescópio quebrou por volta das 2h45 do dia 10 de agosto, caindo no prato e deixando um grande buraco em seu rastro.  Embora a extensão total dos danos ainda não seja conhecida, as autoridades relatam que entre seis e oito painéis foram quebrados e a própria plataforma dobrou.


 O Observatório Arecibo está localizado em Porto Rico e é administrado pela universidade, entre outras, sob um convênio com a Fundação Nacional de Ciência.  O radiotelescópio foi construído na década de 1960 e passou décadas sob gerenciamento da Universidade Cornell.


 Em 2017, o observatório sofreu danos mínimos com o furacão Maria - ainda estava sendo reparado a partir desse incidente no momento da quebra do cabo, atrasando todo o processo.  As investigações sobre este incidente estão em andamento;  não há nenhuma razão dada para o dano do cabo neste momento.  Além disso, não está claro quanto tempo levará para consertar o telescópio e quanto custará.


 O Diretor do Observatório de Arecibo, Francisco Cordova, disse em um comunicado:


 Temos uma equipe de especialistas avaliando a situação.  Nosso foco é garantir a segurança de nossa equipe, protegendo as instalações e equipamentos, e restaurando as instalações para operações completas o mais rápido possível, para que possamos continuar a ajudar cientistas em todo o mundo.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.